Podcast Bola Presa – Edição 93

Podcast Bola Presa – Edição 93

Bem amigos do Bola Presa, mais um podcast no ar!

Nesta semana falamos sobre o melhor ataque da NBA (dica: não é quem você espera!), sobre como DeMar DeRozan segue regras próprias e sobre diversos ataques bem-sucedidos, incluindo o surpreendente Houston Rockets. Ainda sobrou tempo para falar sobre pivôs, com o caso feliz de JaVale McGee e seus amigos tolerantes, e a polêmica de DeMarcus Cousins e sua inesperada rivalidade com Meyers Leonard.

No Both Teams Played Hard tivemos perguntas sobre a mais importante decisão da vida, que é para qual time da NBA torcer, e a retomada do já clássico caso de uma certa “jovem senhora”.

Você pode seguir o Bola Presa no iTunes ou qualquer outro agregador de podcasts – aproveite para passar no iTunes e recomendar o Bola Presa para o mundo!

🔒Filtro Bola Presa #32

🔒Filtro Bola Presa #32

Mais uma semana se passou na NBA. Já repararam como a vida parece andar mais depressa durante a temporada? Na offseason é uma lentidão de tédio que dá vontade de chorar e cair no mundo da perdição, mas agora parece que todo dia já estou fazendo um filtro da semana novo! Por sorte a NBA tem jogo demais e causos o bastante para encher este post. Vamos lá!

A notícia mais triste da semana, sem dúvida alguma, foi a morte de Craig Sager após uma longa batalha contra um câncer. O já lendário repórter da TNT fez fama pela alegria, brincadeiras, entrevistas e, claro, seus ternos coloridos. Ele era bom em falar com os jogadores e técnicos onde estes estavam mais despreparados, impulsivos e imprevisíveis, na beira da quadra logo após difíceis vitórias ou derrotas. Lá ele conseguiu duas coisas bem difíceis: não parecer um idiota e ser respeitado pelos seus interlocutores.

🔒De bom para ótimo

🔒De bom para ótimo

Diz a lenda que transformar uma equipe ruim em uma equipe boa na NBA é fácil, difícil mesmo é transformar uma equipe boa em uma equipe ótima. Como os piores times tem acesso facilitado às melhores escolhas de draft e um punhado de jogadores minimamente consistentes são capazes de tornar qualquer equipe rapidamente digna em quadra, a passagem de equipes ruins para equipes médias é bastante frequente na NBA. Dificilmente vemos equipes passarem muitos anos consecutivos no final da tabela de classificação, salvos os casos de péssima administração ou nenhum planejamento. Basta ver como nos últimos anos a Conferência Leste, que era motivo de piada na NBA, conseguiu ser tomada por uma enxurrada de boas equipes construídas na base de contratações modestas, escolhas de draft, bons técnicos e muita coletividade. Nesse momento, apenas 6 equipes da Conferência Leste possuem aproveitamento menor do que 50% e é perfeitamente possível que apenas 4 delas acabem a temporada nessa condição. O problema da Conferência, entretanto, está lá no topo da tabela: apenas duas equipes possuem aproveitamento acima dos 55%, mantendo o Leste dominado por duas super-equipes, Cavs e Raptors. Planos para transformar essas equipes todas emboladas no meio da tabela em potências da Conferência não faltam, mas é evidente que esse é um passo mais difícil – e raro – de ser alcançado. Conseguir se classificar para os Playoffs já coloca qualquer equipe entre a elite da Liga, mas é a passagem para candidato a título que intriga general managers, técnicos e analistas. Criar super-equipes ainda é uma ciência inexata visivelmente mais complexa do que arrancar times da lama.

Podcast Bola Presa – Edição 92

Podcast Bola Presa – Edição 92

Bem amigos do Bola Presa, mais um podcast no ar!

Nesta semana falamos sobre fim de novela. Não é o tipo de novela que eu gosto, porém, mas o famoso caso de amor e ódio entre Donatas Motiejunas e o Houston Rockets, que finalmente deixou o jogador livre para fazer o que bem entender. Também falamos sobre o New York Knicks, que chegou ao TERCEIRO lugar do Leste e do Los Angeles Lakers, que acumula 8 derrotas seguidas =(

No Both Teams Played Hard respondemos questões sobre estatísticas, Hassan Whiteside, grupos no WhatsApp, Overwatch, ciúmes da Alinne Moraes, pessoas de pijama na faculdade, um cara que descobriu que não sabe beijar e temos update no caso do Aldebaran, o cara que foi traído pela mulher e resolveu mandar a RELA.

Você pode seguir o Bola Presa no iTunes ou qualquer outro agregador de podcasts!

🔒Filtro Bola Presa #31

🔒Filtro Bola Presa #31

Voltamos com mais um Filtro Bola Presa, nossa coleção semanal de causos charmosos da NBA. Tudo que não virou ou não virará um gigantesco post de mil parágrafos vem parar aqui para que possamos contemplar a beleza do lado alternativo do basquete. Nessa semana corrida o Filtro demorou um pouquinho a mais (o que significa que ele está mais RECHEADO de coisas!), mas pelo menos podemos nos orgulhar de não ter demorado tanto quanto o Antetokounmpo para cobrar um lance livre.

No que são provavelmente os 6 minutos MAIS CHATOS DA HISTÓRIA HUMANA, é possível acompanhar abaixo um vídeo da temporada passada com todos os oito lances livres cobrados pelo Antetokounmpo contra o Blazers e como o DESESPERO da equipe de Portland vai aumentando conforme eles percebem que estão envelhecendo, que seus filhos estão se formando e que poderiam estar fazendo algo melhor com suas vidas do que assistir ao grego olhar para a cesta. A partir dos 5 minutos de vídeo os jogadores do Blazers começam até a contar em voz alta para mostrar como o limite de 10 segundos para cobrar lances livres é estourado todas as vezes. Mas os juízes não marcaram uma única vez.