🔒Filtro Bola Presa #58

Mas o que é o Filtro Bola Presa? Explico assim: se fosse um Filtro sobre todo o noticiário e não só sobre a NBA, nós colocaríamos aqui texto, vídeo e comentário sobre a briga entre a Carreta Furacão e a Carreta Tsunami. Não é importante, mas todo mundo quer saber.

Nesta última semana tivemos a Sloan Sports Conference, uma conferência criada há 12 anos pelo Daryl Morey, General Manager do Houston Rockets, para discutir o uso de tecnologia e estatísticas no análise de desempenho no esporte. Tudo começou como uma pequena reunião de NERDS, mas hoje o negócio cresceu, atraiu pessoas de todos os cantos e nesta edição até o Barack Obama foi lá discutir esportes e dados. Para aproveitar a situação, Morey contratou o pessoal do ‘Game of Zones’— que todo ano faz paródias de ‘Game of Thrones’ inspirada na NBA– para um episódio bônus de introdução do ex-presidente:

No vídeo, Obama ajuda a salvar Sam Hinkie da fúria daqueles que não acreditam nas “analytics”. O ex-manager do Philadelphia 76ers, responsável pelo “Processo” que usou as estatísticas para definir que perder era o melhor jeito de reconstruir um time, quase foi morto por um tiro de meia distância de Evan Turner. Se você não entendeu, você está do lado de Charles Barkley, Tom Thibodeau e Kyrie Irving.

Alguém dúvida que os nerds estão ganhando? O tamanho da Sloan Sports Conference, que só cresce e atrai cada vez mais gente de mais lugares (e TODOS os times da NBA), só prova isso. Morey, enquanto isso, tira onda com camisetinhas engraçadas:

Temos o logo do Philadelphia 76ers com um TANQUE como referência ao “tanking“. Temos uma com a mensagem “Somos controlados pelos resultados aleatórios de um sistema complexo” e outra da falsa “Universidade da Perspectiva”. Morey defende que ao analisar o desempenho de jogadores somos sempre vítimas do “viés da perspectiva”, onde vemos um resultado e então acreditamos que ele era previsível desde o começo. Pesado pra uma camiseta, né?

Na conta da SSC no Twitter você pode ver todos os vídeos de conversas. Que tal Chris Bosh, o manager Lawrence Frank, o co-dono do Boston Celtics Steve Pagliuca e o jornalista Howard Beck falando sobre construção de times?

Neste ano também tivemos a apresentação de uma ferramenta divertidíssima, a Bhostguster. Uma brincadeira com “Ghostbusters” que nada mais é que uma prancheta eletrônica que lê uma jogada desenhada por você e imediatamente simula, baseado em seu banco de dados, como a defesa iria reagir ao lance:

DICAS DE LEITURA DA SLOAN SPORTS CONFERENCE:

  • O Kevin O’Connor, do ‘The Ringer’, fala do ‘Bhostgusters‘ e de muitas outras coisas em seu RESUMÃO do que aconteceu na SSC
  • O Ben Falk, do Cleaning The Glass, fala sobre seus 11 anos frequentando a conferência, o que mudou nesses anos todos e como ele conheceu Rick Carlisle e perdeu contato com o técnico
  • O David Aldridge, da NBA.com, fala da presença de ex-jogadores na SSC e de como eles lutam para se integrar a nova realidade das “analytics“, onde muitas vezes os ex-atletas são vistos como rivais

Ah, e sobre o que Barack Obama falou lá afinal de contas? Fica o mistério. Sua apresentação foi secreta, fechada, para poucos e os presentes não puderam fotografar, filmar e sequer relatar depois o que ouviram lá. Bem broxante para a presença mais anunciada de todas…


Mas toda essa ciência dos números não está sendo usada só para o BEM, existe o Lado Negro das Analytics também. Segundo relato do Brian Windhorst, da ESPN, o Dallas Mavericks é um dos vários times que está usando o seu banco de dados para saber qual é o melhor jeito de…  PERDER! “Reverse Analytics” que chama isso, Rogerinho.

Como mostramos no post de ontem, existem nada menos do que SETE TIMES numa briga direta pelo tanking, todos mirando o topo do Draft 2018 e com muito mais incentivos para perder do que de correr o risco de ficar com a broxante 7ª escolha no Draft. O próprio dono do Mavs, Mark Cuban, foi multado por dizer abertamente que “perder é nossa melhor opção“:

A briga está tão forte no tanking, que desde a parada do All-Star Game nós já tivemos 23 jogos dos 9 piores times da liga e eles venceram apenas TRÊS deles. Duas das vitórias vieram, claro, em confrontos diretos que muito lembram aquele episódio do South Park onde todas as crianças odeiam jogar beisebol e disputam quem consegue perder mais para entrar de férias logo e não seguir no campeonato.

Depois desse tweet ainda tivemos mais uma derrota do Sacramento Kings e uma surpreendente, inesperada e indesejada vitória do Dallas Mavericks sobre o Indiana Pacers. Será que é porque a fala de Cuban pegou tão mal que o time resolveu jogar para valer? Segundo Dirk Nowitzki, o tanking atrapalha a cultura que eles tentam manter e construir na franquia:

E isso aparece uma semana depois de Dirk ter dito que ficou “enojado” ao ler a matéria da SportsIllustrated que revela os bastidores de machismo e abuso sexual em série nos escritórios do Dallas Mavericks.

Que final de relação com o seu maior jogador, hein Mavs!


JOGADAS BOLA PRESA DA SEMANA

Pra que você quer um jogador de 41 anos no seu time? Para que sua experiência ajude todos a tomar boas decisões, certo? Mas e quando Vince Carter decide fazer esse arremesso, a SETE SEGUNDOS do fim, com o time perdendo só por DOIS pontos? Pior que o Kings ainda conseguiu empatar…

Claro que essa alegria toda da torcida do Kings não durou nem mais um segundo inteiro:

Já Chris Paul teve o turnover mais bisonho da temporada. Foi dar um high-five na MÃE DE JAMES HARDEN na primeira fileira e, por ter encostado em alguém fora da quadra, contou como se tivesse pisado fora:

Falando em primeira fileira, há anos não via um torcedor com tanta cara de DESGOSTO como a do apresentador Jon Stewart após esse FADE AWAY DE MEIA DISTÂNCIA do JaVale McGee contra o NY Knicks. Compreensível:

O pivô do Warriors até pegou a imagem e a transformou em sua foto de perfil no Twitter:

Por fim, este passe de Isaiah Thomas só é aceitável se você está numa pelada e sabe que ninguém está filmando:


DICAS DE LEITURA


ENGENHARIA DA SEMANA

O San Antonio Spurs finalmente volta para casa depois da tradicional “Rodeo Trip”, a sequência de jogos fora de casa que o time faz enquanto o AT&T Center recebe um rodeio. E o time publicou nessa semana um vídeo bem legal para mostrar o processo de transformar a arena de rodeio de volta em quadra de basquete:


LUTO DA SEMANA

Um dos 17 mortos no massacre da escola da Flórida na última semana era um fanático torcedor do Miami Heat. De tão fã, o garoto foi enterrado com uma camiseta de Dwyane Wade. A notícia chegou aos ouvidos do jogador:

Ele aproveitou a situação para dizer que “é por isso que nós não apenas calamos a boca e driblamos”, em referência à apresentadora da Fox que falou para LeBron James parar de comentar questões sociais e políticas e apenas “calar a boca e driblar”. Wade ainda completou:

“É mais do que basquete. Nós somos as vozes de pessoas que não são ouvidas. Joaquin Oliver, descanse em paz e eu dedico o resto da minha temporada no Miami Heat a você”


BOA AÇÃO DA SEMANA

Um dia após romper o menisco do joelho e ver sua temporada sob risco, Jimmy Butler levantou, vestiu suas muletas e partiu para realizar o sonho de um garoto de conhecê-lo. As coisas deslancharam quando os dois revelaram que tem um esporte favorito em comum… futebol americano!


TRETAS DA SEMANA

Nem tudo é #amor e #gratidão. Russell Westbrook, por exemplo, até hesitou, mas decidiu que a melhor ação era mesmo EMPURRAR Nick Young depois de sua DANCINHA em frente ao banco do OKC Thunder:

Essa foi só uma mini treta de um jogo que teve como prato principal o Zaza Pachulia caindo propositalmente sobre a perna de Westbrook, colocando a saúde do MVP em risco:

Dá pra argumentar que não foi na maldade, mas aí a gente lembra do HISTÓRICO do pivô e fica complicado. Além de Kyrie Irving, Damian Lillard também não foi fã da atitude do pivô da Geórgia:

Teve também a treta entre o Twitter do Atlanta Hawks com a torcida do Los Angeles Lakers. Eles fizeram um desafio de tentar achar algum torcedor rival com a camiseta de um jogador QUE AINDA NÃO SE APOSENTOU. É só clicar se divertir…

No último All-Star Game, antes de se machucar, Jimmy Butler decidiu que não iria jogar na partida festiva porque queria descansar. O Lou Williams ficou PUTO porque ele queria muito ir para o jogo e toparia uma desistência de Butler para entrar na partida, ao que Butler respondeu: “100 mil conto no mano-a-mano e nóis resolve isso”


LOOK DA SEMANA

Que aposta você perdeu, Chris Paul?


FOFURA DA SEMANA

Esse fã do NY Knicks que desmaiou depois de cumprimentar Steph Curry:


MECÂNICA DA SEMANA

Será que Lonzo Ball pode mudar sua mecânica de arremesso? Não sabemos, mas sabemos que ele e o Kyle Kuzma brincam MUITO BEM de imitar o chute um do outro:


QUEM É VOCÊ NA NBA?

Teste do quanto você VENCEU NA VIDA: você se identifica mais com Evan Fournier e a calvície mais rápida da temporada…

…ou com Joel Embiid que come um hambúrguer enquanto recebe massagem no pé?


MASCOTES POWER RANKING

Os 10 pontos dessa semana vão para o Slamson, que aproveitou a Olimpíada de Inverno para superar a nossa brasileira-americana e fazer a apresentação de patinação mais emocionante da temporada:

Os 5 pontos do segundo lugar vão para o Jazz Bear, que ROUBOU OS OLHOS do Coyote para enxergar o seu presente de aniversário:

CLASSIFICAÇÃO GERAL

Benny The Bull e Coyote – 30 pontos

Grizz – 21 pontos

Stuff, Franklin e Rocky – 20 pontos

Slamson – 15 pontos

Hooper, Hugo, Clutch, Harry the Hawk, Jazz Bear Boomer, Blaze e Bango – 10 pontos

Crunch e Rumble– 5 pontos


DICAS DE LEITURA DOS MASCOTES

Torcedor do Lakers e defensor de 87,4% das estatísticas.

Como funcionam as assinaturas do Bola Presa?

Como são os planos?

São dois tipos de planos MENSAIS para você assinar o Bola Presa:

R$ 14

Acesso ao nosso conteúdo exclusivo: Textos, Filtro Bola Presa, Podcast BTPH, Podcast Especial, Podcast Clube do Livro, FilmRoom e Prancheta.

R$ 20

Acesso ao nosso conteúdo exclusivo + Grupo no Facebook + Pelada mensal em SP + Sorteios e Bolões.

Acesso ao nosso conteúdo exclusivo: Textos, Filtro Bola Presa, Podcast BTPH, Podcast Especial, Podcast Clube do Livro, FilmRoom e Prancheta.

Acesso ao nosso conteúdo exclusivo + Grupo no Facebook + Pelada mensal em SP + Sorteios e Bolões.

Como funciona o pagamento?

As assinaturas são feitas no Sparkle, da Hotmart, e todo o conteúdo fica disponível imediatamente lá mesmo na plataforma.